EPLab • Masterclass

Linhas de fuga da comunidade estética e política em Kant (morte, exclusão, compaixão): um diálogo com Blanchot e Rancière

Nuria Sánchez Madrid (Universidad Complutense de Madrid)

Resumo:

A noção de comunidade em Kant orienta-se desde um ideal de transcendência moral que obriga os sujeitos da sociedade de gosto a ter em conta os outros nos juízos e perspectivas estéticas que eles adoptam. Porém desde autores como Blanchot e Rancière uma outra noção de comunidade -estética e política- começa a tomar forma, i.e. uma comunidade já não conformada ao redor dum ideal de completude e aperfeiçoamento exigível aos sujeitos racionais, mas constituída desde a consciência duma falta que nenhuma ação poderia encobrir ou fechar. A conferência terá como alvo principal refletir por meio de textos de Blanchot e Rancière sobre novos caminhos para abrir a comunidade do gosto kantiana para a experiência e o reconhecimento da diferença e sobre as vias que o próprio criticismo possui para não inibirmos, mas aceitarmos, as dimensões “queer” que o contacto com o real e com os outros traz consigo para os seres humanos.


Nota biográfica:

Nuria Sánchez Madrid is Associate Professor at the Faculty of Philosophy of the Univ. Complutense of Madrid. She is coordinator of the Group of Research “Normativity, Emotions, Discourse and Society” (GINEDIS) at the Univ. Complutense and of the Latin American Network of Research “Kant: Ethics, Politics and Society”, supported by the AUIP. She is external member of the CFUL of the Univ. of Lisbon and of the Group of Research “Aesthetics, Politics and Knowledge” at the IF of the Univ. of Porto. She has been Visiting Professor at Chile, Brazil, France, Germany, Portugal, Italy, Greece and Turkey and published as editor and author with De Gruyter, Olms and Palgrave McMillan.