CultureLab • Seminário

X-Centric Futures – Debate #3

Uriel Orlow – Imbizo Ka Mafavuke / Mafavuke's Tribunal

Exibição e discussão do filme de Uriel Orlow, Imbizo Ka Mafavuke / Mafavuke’s Tribunal (28′, 2017).


Mafavuke, um curandeiro indígena da África do Sul que em 1940 foi julgado por misturar ingredientes europeus nas suas formulações, viaja no tempo até ao nosso presente para confrontar a apropriação dos conhecimentos indígenas por parte da indústria farmacêutica. Imbizo Ka Mafavuke (Mafavuke’s Tribunal) é um documentário experimental passado no limite de uma reserva natural em Joanesburgo.


Uma espécie de “Lehrstück” brechtiano, o filme mostra os preparativos para um tribunal popular onde curandeiros, ativistas e advogados tradicionais se reúnem para questionar de quem é o benefício quando as plantas se tornam fármacos, tendo em conta as múltiplas reivindicações de propriedade, prioridade, localidade e apropriação. Isto, claro, ao mesmo tempo que fantasmas de exploradores coloniais têm de ser tidos em conta, de modo a imaginar futuros cenários e paradigmas.


Este evento terá lugar no âmbito das atividades do seminário de investigação X-Centric Futures (CultureLab/IFILNOVA), coordenado por Giovanbattista Tusa, e foi desenvolvido em parceria com o Centro Cultural Carpintarias de São Lázaro.


Neste esforço colaborativo pretende-se mudar a perceção geral instalada de que o futuro é uma era inescapável e ameaçadora recheada de perturbações sociais e catástrofes ecológicas. Procura-se desenvolver práticas críticas rigorosas e criar uma plataforma aberta para um diálogo entre diferentes perspectivas na redefinição do pensamento crítico numa era planetária. Ao longo do programa de debates partimos do pressuposto de que não há uma humanidade a vir, mas sim uma multidão de diferentes humanidades com diferentes futuros e diferentes passados, cuja exploração implica o desenvolvimento de novos quadros teóricos e práticos e categorias.


Reserve o seu lugar: reservas@csl-lisboa.pt.

Mais informações aqui e aqui.